Rede Mídia de Comunicação | Rede Sem Fronteiras

Você está em: Início > Notícias > Cultura > Cobertura jornalística da XVII Bienal do Livro do Rio - 2015.

Cobertura jornalística da XVII Bienal do Livro do Rio - 2015.

Cultura por Alberto Araújo em 2015-09-15 01:48:59

                

COBERTURA JORNALÍSTICA DO XVII DA BIENAL DO LIVRO DO RIO - 2015. 

 

 

 

OU CLICAR NO LINK DO CANAL YOU TUBE

DO FOCUS PORTAL CULTURAL

https://www.youtube.com/watch?v=YaO3jDj5ZyI



 

Um dos maiores eventos literários do Brasil a Bienal do Livro do Rio - 2015 terminou neste domingo (13), no Riocentro, Zona Oeste, e bateu recorde de público e vendagem de livros em relação ao ano 2013. A edição XVII aconteceu entre os dias 03 a 13 de setembro.

O evento realizado no Riocentro, localizado na Av. Salvador Allende – número 6555, foi uma oportunidade do público conhecer novas obras e nomes, além de aproximar os autores do público. O local escolhido para sua realização também é sede de diversos grandes eventos internacionais e nacionais. A estrutura conta com espaços para o público infantil e uma ampla área com 7 mil vagas de estacionamento.


O público pode conferir bate-papos, debates, muita literatura e lançamentos. Autores que estiveram presentes: David Nicholls, Sophie Kinsella, Colleen Houck, Joseph Delaney, Anna Todd e Sophie Kinsella.


Foram mais de 3 milhões de títulos vendidos e público e mais 680 mil visitantes.  A arrecadação foi de R$ 83 milhões, superando em R$ 12 milhões a arrecadação da última Bienal do Livro. Segundo dados divulgados pelos organizadores,  foram 8% a mais de livros vendidos. Na última exposição foram 3,5 milhões de livros e 660  mil visitantes.


Os organizadores do evento discorreram que a participação do público jovem foi o destaque este ano.Os adolescentes e jovens adultos, com idades entre 15 e 29 anos, foram maioria na Bienal, representando uma parcela de 56% do público, contra 51% na edição de 2013.


A Bienal do Rio também homenageou  Maurício de Sousa, que comemorou 80 anos no evento e teve uma exposição especial com 190 metros quadrados. Os visitantes acompanharam uma retrospectiva com a evolução dos desenhos de seus principais personagens.



 

ALGUNS TEMAS E PALESTRAS DA BIENAL:

 

CAFÉ LITERÁRIO



O Café Literário é uma das extensões proporcionadas pela Bienal do Livro. Nele, os participantes puderam debater abertamente e discutir vários temas com os palestrantes. Literatura, política, conceitos, artes, música, quadrinhos, educação, entre outros, são alguns dos destaques do Café Literário. Jornalistas, músicos e escritores como Italo Moriconi, Will Gompertz, Zuenir Ventura.

Outro palestrante do Café Literário foi o ex Legião Urbana, Dado Villa Lobos. A palestra teve o tema principal “Como expressar em palavras o sentimento que a música desperta?”.


Juntamente com Mauro Gaspar, Charles Gavin e Arthur Dapieve, Dado Villa Lobos debateu essa e várias outras questões em que a música e as letras conversam entre si. O ex Legião marcou presença na Bienal do Rio 2015 no dia 13 de setembro.


O prefeito Eduardo Paes também esteve no Café Literário 2015. O tema discutido foi “A Olimpíada Carioca: Planos para a cidade”. A palestra abordou os preparativos em andamento para os Jogos Olímpicos do Rio 2016.


CUBOVOXES, CONEXÃO JOVEM E SARALL


Além do Café Literário, a Bienal do Livro contou com o Cubovoxes, Conexão Jovem e Sarall – setores designados a debates, palestras. Discussões de livros, poesias, quadrinhos e vários outros, também foram características importantes destas vertentes, que teve o intuito de divertir ainda mais o público. Essas questões teve como base despertar o interesse dos jovens pela cultura e incentivar – cada vez mais –  a leitura.





CLICAR NO LINK PARA ASSISTIR AO FILME COM AS IMAGENS DA XVII BIENAL DO LIVRO DO RIO-2015.

PRODUZIDA PELO FOCUS CULTURAL

 

https://www.youtube.com/watch?v=YaO3jDj5ZyI 



APOIO CULTURAL








Deixe seu comentário, ele é muito importante para nós

* Seus dados não serão exibidos a terceiros.

Publicidade

Veja também