Rede Mídia de Comunicação | Rede Sem Fronteiras

Você está em: Início > Notícias > Literatura > Dia Nacional do Incentivo à Leitura

Dia Nacional do Incentivo à Leitura

Literatura por Betty Silberstein em 2015-10-02 14:01:14

                

Dia Nacional do Incentivo à Leitura

 

O calendário brasileiro passou a contar com a comemoração do Dia Nacional da Leitura e da Semana Nacional da Leitura, no dia 12 de outubro, de acordo com a Lei 11.899/09. O autor do projeto que deu origem à lei, Senador Cristovam Buarque (PDT-DF), afirmou que a iniciativa estimulará a convivência da sociedade com a produção literária do país.

“Além de marcar a festividade já consagrada do Dia da Criança, esse dia abrigará, também, o Dia Nacional da Leitura e a Semana da Leitura, com a intenção de enfatizar junto à sociedade brasileira a importância do cultivo do amor aos livros desde a infância”, defendeu o senador.

O estímulo à leitura também deverá mudar um quadro preocupante. Hoje, apenas 26% dos brasileiros entre 15 e 64 anos conseguem ler e entender um livro, de acordo com as conclusões do Indicador Nacional de Alfabetismo Funcional.

Ao lado das dificuldades de leitura, faltam bibliotecas nas escolas públicas. De acordo com dados do Ministério da Educação, apenas 19,4% das escolas do ensino fundamental têm biblioteca. E as que possuem, em sua maioria, reservaram uma sala pequena e sem atrativos para construir ali o espaço que deveria servir de incentivo à leitura.

Com a inclusão do Dia da Leitura no calendário das datas comemorativas, o país passou a ter cinco momentos de celebração na área: o Dia Mundial do Livro (23 de abril), o Dia Internacional do Livro Infanto-Juvenil (2 de abril), o Dia da Leitura (12 de outubro), o Dia Nacional do Livro Infantil (18 de abril) e o Dia Nacional do Livro (29 de outubro).

Para que se garanta o gosto pela leitura desde cedo, é interessante que a mãe leia histórias para seus filhos desde bebês. Um momento gostoso que, além de estimular a criança nas mais diversas maneiras, de quebra, aproxima os pais dos filhos.

Mesmo sem saber ler a criança pode - e deve! - começar a folhear os livros e revistas, aprendendo desde cedo como manuseá-los sem rasgar ou amassar.

Infelizmente os brasileiros ainda não têm o hábito da leitura, é um dos países que menos leem livros. Não acham que está mais que na hora de mudar esse cenário?

Monteiro Lobato já dizia, “um país se faz com homens e com livros”. Que tal dar uma ‘mãozinha’ nessa frase tão verdadeira e ajudar nosso país ser MUITO melhor?

 

 



Deixe seu comentário, ele é muito importante para nós

* Seus dados não serão exibidos a terceiros.

Publicidade

Veja também