Rede Mídia de Comunicação | Rede Sem Fronteiras

Você está em: Início > Notícias > Cultura > O Quinteto Entre Sopros apresenta a fábula musical "Pedro e o Lobo" no Teatro da UFF em Niterói.

O Quinteto Entre Sopros apresenta a fábula musical "Pedro e o Lobo" no Teatro da UFF em Niterói.

Cultura por Alberto Araújo em 2015-10-09 10:08:38

                

Em homenagem ao Dia das Crianças, o Quinteto Entre Sopros apresenta a fábula musical “Pedro e o Lobo”, composta pelo russo Sergei Prokofiev, na série Terças Eruditas, dia 13 de outubro, às 20h, no Teatro da UFF, com ingressos a R$10 (inteira) e R$5 (meia). Participação especial da atriz e narradora Carol Futuro. A censura é livre e o Teatro da UFF fica na Rua Miguel de Frias 9, Icaraí, Niterói – RJ.

O Quinteto Entre Sopros, integrado por Clara Martinez (flauta), Maria Fernanda Gonçalves (oboé), Paulo Andrade (fagote), Thiago Tavares (clarineta) e Waleska Beltrami (trompa), segue a formação camerística clássica desse gênero, consolidada através dos anos e dos diversos períodos da história da música ocidental. Apesar de pequeno, é um conjunto bastante versátil e de colorido sonoro ímpar devido às características de cada instrumento integrante.

Os componentes do Entre Sopros se conheceram no ambiente profissional do Rio de Janeiro e, diante da afinidade musical percebida, decidiram se empenhar na montagem desta significante obra que o russo Serguei Prokofiev compôs em 1936, “Pedro e o Lobo”.

Conta-se que a peça “Pedro e o Lobo” foi composta em apenas quatro dias, para ser executada como espetáculo músico-teatral que incluía, além da orquestra, também elementos cênicos, bonecos e narrador para contar a divertida história do garoto, chamado Pedro, que desobedece as ordens de seu avô e resolve perseguir sozinho um audacioso lobo, que aterrorizava os moradores de pequeno vilarejo onde vivem. Prokofiev visava a ensinar às crianças a sonoridade de cada instrumento, tornando familiar a elas as partes componentes de uma orquestra clássica. Para isso, teve a ideia de representar cada um dos personagens com diferentes instrumentos. Pedro, por exemplo, é representado por instrumentos de cordas, seu avô, pelo fagote, os caçadores pela percussão, o lobo pelas trompas, o gato pelo clarinete, o pato por um oboé, e os pássaros pelas flautas.

Na apresentação proposta pelo Quinteto Entre Sopros, será feita uma adaptação, com arranjos preparados por Joachim Linckelmann, já que não haverá uma orquestra de câmara, como está descrito na partitura original do compositor Prokofiev.

Pedro e o Lobo foi elaborado sob encomenda das autoridades soviéticas a Prokofiev, com o intuito de aproximar as crianças da música clássica. Por esse motivo, a peça musical chama a atenção pela graça e leveza. Apesar de sua finalidade primordial, o espetáculo encanta também pessoas de qualquer idade, e desde sua estreia já foi apresentado nos mais diversos palcos do mundo, com a narração feita por artistas diversos, como Leonard Bernstein, Sean Connery, David Bowie, José Ferrer, Alec Guinness, Jack Lemmon, Boris Karloff, Dudley Moore, Charles Aznavour, Christopher Lee e até mesmo o cantor Sting. No Brasil, também já narraram o espetáculo figuras tão diversas quanto o ator Paulo Autran, Giulia Gam, Roberto Carlos e Rita Lee.

13 de outubro de 2015
Terça-feira – 20h
Teatro da UFF
Rua Miguel de Frias, 9, Icaraí – RJ
Ingressos: R$ 10,00 (inteira), R$ 5 (meia)
Classificação: Livre
Informações: 3674-7512 | a partir de 14h

Deixe seu comentário, ele é muito importante para nós

* Seus dados não serão exibidos a terceiros.

Publicidade

Veja também