Rede Mídia de Comunicação | Rede Sem Fronteiras

Você está em: Início > Notícias > Cultura > VII Festival de Poesia Falada do Rio de Janeiro Prêmio Francisco Igreja

VII Festival de Poesia Falada do Rio de Janeiro Prêmio Francisco Igreja

Cultura por em 2014-10-17 21:26:13

A APPERJ - Associação Profissional de Poetas no Estado do Rio de Janeiro realizou o VII Festival de Poesia Falada do Rio de Janeiro - Prêmio Francisco Igreja.

 Os apresentadores do festival foram Sérgio Gerônimo e Mozart Carvalho, Presidente e Vice-presidente, respectivamente, da APPERJ. A administração do festival correu por conta da app Glenda Maier e Sérgio Gerônimo.

Foram selecionados os 20 melhores textos, dentre os mais de 130, que foram enviados de diversos estados. Os Apperjianos selecionadores dos 20 poemas classificados foram Jorge Ventura, Márcia Leite e Mozart Carvalho. E os selecionados foram: “Barulhinhos, Wladimir M. Santos (Belo Horizonte/MG); “Espelho”, Banaiote Gazal (Rio/RJ); “Pedra sobre Pedra”, Geraldo Trombin (Americana/SP); “O Sarau dos Pirilampos”, Jorge Cosendey (Rio/RJ); “T apera”, Ileides Muller (Campo  Grande/MS); “Lição”, Luiz Otávio Oliani (Rio/RJ);  “Poesia II”, Blener Dumont (Rio/RJ); “Sem asas borboletas”, Marcelo Gomes Jorge Feres (Rio/RJ); “5 de maio”, Roberto Solano (Rio/RJ); “Humano”, Wladimir M. Santos  (Belo  Horizonte/MG); “Pindoba”, Wladimir M. Santos (Belo Horizonte/MG); “A visita”, Banaiote Gazal (Rio/RJ); “Rara sedução”, Luiz Poeta (Rio/RJ); “Injúria”, Rita Gemino (Rio/RJ); “Suçuarana”, Bernardo Miller (Rio/RJ); “Madrigal silente”, Bernardo Miller (Rio/RJ); “Piscina  de  alegria  corrente”, Eliane Silvestre da Costa (Brasília/DF); “Aldeia”, Eliane Silvestre da Costa (Brasília/DF); “Às vezes”, Jósa Jasper (Rio/RJ); “A vessos e direitos da  Emília”, Amélia Luz (Pirapetinga/MG).

O encerramento do concurso aconteceu dia 26 de setembro, no Auditório Machado de Assis, da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro. 

A classificação dos poemas selecionados foi feita por júri presente ao evento, que considerou a oralidade na seleção do melhor intérprete. O júri foi composto por Blecaut Jr, Gilda Souza Campos e Estrela Igreja.

Os autores premiados receberam certificado de Menção Honrosa e prêmios no valor de mil reais, assim distribuídos: 1° lugar: R$400,00 para Eliane Silvestre da Costa; 2° lugar: R$300,00 para Marcelo Gomes Jorge Feres; 3° lugar: R$200,00 paraBanaiote Gazal e melhor intérprete: R$100,00 para Áurea Liz, com o poema ALDEIA, de Eliane Silvestre da Costa. E o apperjiano mais bem classificado dentre todos os concorrentes selecionados foi Luiz Otávio Oliani, que recebeu certificado e o Troféu Francisco Igreja, sendo seu poema publicado graciosamente – sem ônus, na Coletânea PERFIL.

 

Crédito: Acervo APPERJ

 

Fotos 5 – Legenda:

Mozart Carvalho, Blecaut Jr, Estrela Igreja, Gilda Souza Campos e Sérgio Gerônimo.

 

Fotos 6 – Legenda:

Mozart Carvalho, Kátia Pino, Estrela Igreja, Sandra Fernandes e Sérgio Gerônimo, entregam o prêmio de 1º lugar para Eliane Silvestre da Costa.

 

Foto 7 – Legenda:

Marcelo Gomes Jorge Feres recebe o Prêmio de 2º lugar das mãos de Gilda Souza Campos.

 

Foto 8 – Legenda:

Luiz Otávio Oliani, o apperjiano mais bem classificado.

 

Foto 9 – Legenda:

A melhor intérprete: Áurea Liz.

 

Foto 6 – Legenda:

Apoio Cultural:

Deixe seu comentário, ele é muito importante para nós

* Seus dados não serão exibidos a terceiros.

Publicidade

Veja também