Rede Mídia de Comunicação | Rede Sem Fronteiras

Você está em: Início > Notícias > Eventos > A escritora Nélida Piñon é homenageada, na Academia Carioca de Letras.

A escritora Nélida Piñon é homenageada, na Academia Carioca de Letras.

Eventos por Alberto Araújo em 2017-03-10 20:55:28

Com o Salão Nobre da Casa de Anchieta literalmente lotado e sob a coordenação dinâmica do presidente de Ricardo Cravo Albin, a Academia Carioca de Letras, entregou na segunda-feira (06) uma de suas maiores honrarias à escritora Nélida Piñon, trata-se da Comenda da Ordem Padre José de Anchieta. Tributo esse oferecido às pessoas que contribuem com suas atividades literárias e culturais ao estado e país, segundo palavras do presidente Ricardo Cravo Albin. A Sessão contou ainda com a coparticipação da magnânima atriz Fernanda Montenegro, que expôs um depoimento pessoal sobre Nélida e das apresentações dos acadêmicos e escritores Sérgio Fonta que discorreu um breve perfil sobre Fernanda Montenegro e Godofredo de Oliveira Neto que falou sobre a homenageada.


Segundo o presidente da entidade, o protocolo da instituição descreve que a entrega da Comenda da Ordem Padre José de Anchieta deve ser feita por quem ocupa a presidência da Academia, mas que haveria um rompimento, para que Fernanda, considerada pela Casa a melhor atriz brasileira, pudesse participar da homenagem à escritora. Além de reverenciar Nélida Piñon, a instituição abriu no momento as comemorações pelo Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março, e definiu 2017 como o ano em homenagem às escritoras brasileiras.

Abrimos as comemorações do Dia Internacional da Mulher hoje com o encontro dessas mulheres extraordinárias. Pessoalmente, acho que as duas não poderiam ter sido mais bem escolhidas”, discorreu o presidente da Academia, Ricardo Cravo Albin.

Temos praticamente a mesma idade. Somos resultado de anos vividos passando pelos mesmos processos, sobrevivendo, acreditando, trabalhando, criando. Então, Nélida, é como se me dessem a oportunidade de homenagear uma irmã querida”, disse Fernanda Montenegro ao entregar a comenda.

A escritora Nélida Piñon, que foi a primeira mulher a presidir a Academia Brasileira de Letras (ABL) avalia que é uma mulher com o destino proeminente, apesar de ter lutado muito na vida e que essa linhagem tem uma base: a sua família formada por imigrantes castelhanos que vieram da região da Galícia para o nosso país em busca de um futuro melhor e com a crença de que, no sentido da edificação, era possível intercalar a América e Europa. Constituiu um dos detalhes da trajetória apresentado por Nélida na tribuna durante a homenagem.

Segundo Nélida, foram as histórias de seus parentes, como as de sua avó espanhola, que a despertaram para a literatura ampliada com a cultura de diversas partes do mundo tantas vezes evidente em seus textos. “A cultura deve fazer o seu esforço para ser uma especialidade universal”, afirmou a escritora, ao confessar que tem um amor profundo pela língua portuguesa.

Você poderá assistir ao evento, em totalidade, gravado pelo jornalista Alberto Araújo que está disponível no Canal You Tube do Focus Portal Cultural.
Clicar no link:

 

 
POSTADO TAMBÉ NO FOCUS PORTAL CULTURAL
 
 

Deixe seu comentário, ele é muito importante para nós

* Seus dados não serão exibidos a terceiros.

Publicidade

Veja também

Publicidade