Rede Mídia de Comunicação | Rede Sem Fronteiras

Você está em: Início > Notícias > Geral > FESTAS E EVENTOS CULTURAIS E TRADICIONAIS, NO BRASIL DURANTE O ANO INTEIRO.

FESTAS E EVENTOS CULTURAIS E TRADICIONAIS, NO BRASIL DURANTE O ANO INTEIRO.

Geral por Alberto Araújo em 2018-01-23 18:03:37
       

Selecionamos algumas das festas mais tradicionais do Brasil que você ainda não conhece e precisa conhecer, assim como eventos que se tornaram clássicos para nosso país e que acontecem ao longo do ano. Confira:



FOLIA DE REIS – JANEIRO


Logo no começo de janeiro, geralmente, a partir do dia 6, acontece a \"Folia de Reis\". A tradição, que celebra a visita dos Reis Magos a Jesus, é muito presente em cidades do sul de Minas Gerais, como Machado, Poços e Caldas e Varginha. Grupos populares se apresentam pelas ruas com músicas e roupas tradicionais.


FESTA POMERANA – JANEIRO


Sempre no primeiro mês do ano, entre a segunda e terceira semanas de janeiro, acontece a Festa Pomerana, em Pomerode, povoado que fica pertinho de Blumenau (SC). A pequena cidade fundada por colonos alemães preserva muito das suas tradições germânicas, como a gastronomia, música e até mesmo o idioma. Os festejos começaram em 1984 para comemorar os 25 anos da emancipação Política-Administrativa do município e hoje os mais de dez dias de festa atraem turistas do Brasil inteiro.


FESTA DE IEMANJÁ – FEVEREIRO


No dia 02 de fevereiro é celebrado a Rainha do Mar, Iemanjá, que é homenageada por todo o país, principalmente, em cidades litorâneas. O rito mais tradicional acontece no bairro de Rio Vermelho, em Salvador, onde devotos se encontram na orla da praia às 16h para lançar seus barcos com oferendas. A celebração acontece desde 1974 e é uma das maiores manifestações públicas do xangô.


CARNAVAL – FEVEREIRO


Em 2018, a festa brasileira mais popular acontece de 09 a 14 de fevereiro. As comemorações variam de acordo com o local, mas o Carnaval no Rio é o mais conhecido e, pelo menos uma vez, vale passar a data na cidade maravilhosa, seja para aproveitar os bloquinhos ou assistir aos desfiles na Avenida Marquês de Sapucaí. A experiência é memorável!


ANO-NOVO CHINÊS – FEVEREIRO


Pode não ser uma festa brasileira, mas a celebração do Ano Novo Chinês no Bairro da Liberdade, em São Paulo, já se tornou tão tradicional que merece estar no calendário. Em 2018, ano do cão, o evento acontece em 16 de fevereiro.


FESTIVAL DE TEATRO DE CURITIBA – MARÇO


A 27ª edição do Festival de Teatro de Curitiba acontece de 28 de março a 09 de abril. O evento é a porta de entrada de vários atores e artistas ao mundo dos espetáculos e tornou-se o principal termômetro de público, para peças que estrearam no festival e, bem avaliadas, seguiram por outros importantes palcos do país.


PROCISSÃO DO FOGARÉU – MARÇO


Uma das mais tradicionais festas religiosas que acontecem na Semana Santa, a Procissão do Fogaréu, no estado de Goiás, tem origem em um rito medieval e acontece desde 1745. Cerca de 40 homens saem pelas ruas escuras com capuzes e tochas. O ato simboliza a busca e a prisão de Cristo. Em 2018, o evento acontece em 28 de março.


FESTA DO DIVINO DO ESPÍRITO SANTO - MAIO


A tradicional Festa do Divino do Espírito Santo acontece em várias cidades do país, 50 dias depois da Páscoa. Em 2018, a celebração acontecerá em 21 de maio. Na ocasião, fiéis católicos saem pelas ruas fazendo orações e cantando músicas tradicionais como forma de agradecer ao Espírito Santo. Eles aproveitam para recolher oferendas de casa em casa, convidando aos demais cidadãos a participarem da folia. Pirenópolis (GO), Alcântara (MA), Mogi das Cruzes (SP), Paraitinga (SP), Diamantina (MG) e São Lourenço do Sul (RS) são algumas das cidades que realizam a festa.


AS CAVALHADAS – MAIO


As Cavalhadas são parte das celebrações da Festa do Divino Espírito Santo de Pirenópolis (GO). Por três dias, cavaleiros saem às ruas com roupas que simbolizam o seu exército (azul ou vermelho) e se dirigem a um campo onde encenam batalhas entre mouros e cristãos. O primeiro combate aconteceu na cidade em 1826, a pedido do padre Manoel Amâncio da Luz. As Cavalhadas acontecem de 19 a 23 de maio em 2018.


CORPUS CHRISTI EM OURO PRETO – MAIO


O feriado de Corpus Christi de 2018 cai em 31 de maio. As ruazinhas da histórica Ouro Preto, em Minas Gerais, ficam cobertas de serragens coloridas que formam desenhos por onde passa a procissão. O ato de fé emociona até mesmo a quem não é religioso, e o clima da cidade deixa tudo ainda mais especial


BUMBA MEU BOI – JUNHO


Existem várias interpretações pelo Brasil que marcam as celebrações do Bumba meu boi. Uma das mais tradicionais e expressivas é a que acontece em São Luís (MA) a partir de 13 de junho, dia do ensaio geral. A festividade é composta por três etapas: batizado, brincada e morte e encenada por vários grupos diferentes, cada um com sua própria maneira de contar a história. A festividade nasce da lenda de um escravo que matou o boi mais bonito da fazenda para satisfazer os desejos de sua esposa grávida. Quando o patrão descobriu, contratou curandeiros para ressuscitar o animal.


FESTA DE SÃO JOÃO – JUNHO


As festas juninas que têm origem nas celebrações católicas acontecem em quase todas as cidades do país. No entanto, o maior espetáculo desse tipo é o de Campina Grande (PA), conhecido como o Maior São João do Mundo e que costuma começar no início do mês e terminar apenas em julho.


FESTIVAL FOLCLÓRICO DE PARINTINS – JUNHO


O Festival Folclórico de Parintins tem três dias de duração. Dois grupos locais centenários, Garantido e Caprichoso, encenam a lenda durante um desfile no “Bumbódromo”. Mais de três mil participantes que desfilam em carros alegóricos em cada um dos grupos e se apresentam para milhares de pessoas todos os anos. Em 2018, o festival começa em 29 de junho e vai até 01 de julho.


FESTIVAL DAS ESTRELAS - JULHO


Desde 1979, sempre no primeiro final de semana de julho, as ruas da Liberdade, em São Paulo, são decoradas com papéis coloridos para que os visitantes escrevam seus pedidos como parte do Festival das Estrelas ou Tanabata Matsuri, em japonês. A festividade tem origem numa lenda japonesa, na qual um casal muito apaixonado deixou suas responsabilidades de lado e foi separado. Eles foram transformados em estrelas, como castigo divino, e condenados a viver em lados opostos no céu e poderiam se encontrar apenas uma vez por ano. O festival também acontece em outras cidades brasileiras com forte influência da imigração japonesa.


SEMANA DA FARROUPILHA – SETEMBRO


A Semana Farroupilha comemora e homenageia os heróis da Guerra dos Farrapos, a revolta do povo sul-rio-grandense contra o império. As festividades são realizada durante quase todo o mês de setembro e em todas as cidades do estado. As festividades celebram as tradições gaúchas com dança, desfiles, comidas típicas que podem ser vistas em museus, fazendas, e demais pontos turísticos. É uma aula de história e cultura.


CONGADA – OUTUBRO


Uberlândia, em Minas Gerais, é a cidade das Congadas, manifestação cultural-religiosa com raízes afro-brasileiras e que celebra o dia da Nossa Senhora do Rosário e começa geralmente na primeira semana de outubro. São mais de 130 anos de festa, que inclui desfiles, procissão, música, adoração e coroação de rei e rainha. No país, a folia acontece também em outros municípios, como em Catalão (GO), mas é na cidade mineira que se encontra a maior quantidade de adeptos: mais de quatro mil pessoas saem pelas ruas celebrando a data.


CÍRIO DE NAZARÉ – OUTUBRO


O Círio de Nazaré, que este ano acontece começa em 14 de outubro, é uma das principais e maiores manifestações religiosas do país, que atrai milhões de turistas a Belém, no Pará. A festividade teve início em 1793. Anos antes, o caboclo Plácido encontra uma pequena imagem da Nossa Senhora de Nazaré às margens do Igarapé e mesmo levando-a consigo no dia seguinte ela era encontrada novamente no mesmo lugar. Com isso, devotos passaram a ir ao local em procissão e a tradição segue até hoje, enchendo as ruas da cidade de demonstração de fé. Quem já foi garante que é uma experiência e tanto.


OKTOBERFEST - OUTUBRO


Blumenau, em Santa Catarina, se tornou um dos destinos preferidos dos turistas graças à Oktoberfest. A festa, originalmente alemã, celebra a cultura e folclore do país e estende-se ao município brasileiro, fundada por colonos de lá. O evento acontece de 10 a 28 de outubro.


 


FESTIVAL DE JAZZ - NOVEMBRO


 


O Festival de Jazz de Paraty, geralmente realiza-se em três noites, contando com a presença de músicos e bandas brasileiras e assim como músicos e conjuntos internacionais de gêneros que muitas vezes vão além do jazz, expandindo para os limites do blues e do rithym and blues, que para quem não sabe, R&B é uma forma primitiva de rock and roll, menos acelarada. Na verdade o rock and roll é a versão branca do R&B, que era típicamente executada, cantada e gravada por músicos negros dos EUA.


O Festival de Jazz propicia um excelente ambiente, atraindo turistas na baixa temporada assim como a festa literária. O evento é gratuíto e geralmente os shows acontem na Praça da Matriz. Entre as estrelas convidadas, já estiveram no festival Leo Gandelman, Stanley Jordan e John Pizzarelli, entre muitos outros que abrilhantaram o evento.


Rio das Ostras Jazz & Blues Festival Apontado pelos críticos como um dos melhores festivais do gênero no mundo, chega à sua décima terceira edição. Este ano o Festival será realizado entre os dias 18 a 20 de novembro, com uma seleção dos melhores instrumentistas e intérpretes da atualidade, que se apresentarão em três palcos montados ao ar livre, com shows gratuitos.


O festival, realizado pela Azul Produções com o apoio da Prefeitura Municipal de Rio das Ostras, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, entrou para o calendário oficial de eventos do Estado do Rio de Janeiro, devido a sua importância.


NOVEMBERFEST - NOVEMBRO


A NOVEMBERFEST já é tradicional em Mariópolis. A 11ª edição acontece nos dias 4 e 5 de novembro, regada a uma grande quantidade de chope. A Münchenfest acontece em Ponta Grossa no final do mês de novembro e dura uma semana, conta com atrações de fama nacional e artistas locais, que apresentam espetáculos tradicionais. Também conhecida como Festa do Chope Escuro, ela tem por objetivo homenagear a cultura do povo alemão, com comidas e apresentações culturais típicas. Este ano, a festa ocorrerá de 5 a 10 de dezembro.


RÉVEILLON EM COPACABANA - DEZEMBRO


O RÉVEILLON ou Festa de Ano novo no Rio é uma festa de Paz e confraternização, sendo que todo ano, a cada 31 de Dezembro, em torno de dois milhões de pessoas vão para as areias e para o calçadão de Copacabana na Avenida Atlântica celebrar o ano novo. Esta festa e atração turística já se tornou uma tradição da cidade, e milhares de pessoas de todo o Brasil e do Mundo visitam o Rio para a grande festa.


Na noite do réveillon, muitas pessoas se vestem de branco por tradição ou pelo simples sentimento de que isto trás sorte para o novo ano, outras por fé, quando se trata de seguidores de religiões afro-brasileiras como Iemanjá.


Muitas levam uma garrafa de vinho ou champanhe, à espera do ano que é celebrado com uma magnífica e inesquecível queima de fogos iniciada à meia noite, e, portanto, mesmo que você não leve, prepare-se para levar alguns respingos de algum champanhe cuja rolha voa pelos ares chacoalhados por alguém eufórico à espera do novo ano.


A praia fica toda iluminada, a alegria e a descontração toma conta de tudo. Muitas pessoas levam cadeiras de praia e formam grupos de amigos na areia, levando também bebidas e alguns salgados, para conversarem e se distraírem enquanto esperam pela queima de fogos mais perto das ondas do mar.


Inúmeros transatlânticos, grandes e luxuosos navios de cruzeiro param diante de Copacabana para assistirem a queima de fogos, e suas luzes são vistas por quem está na praia. Os prédios de apartamentos que dão de frente para a praia, geralmente também ficam com luzes acessas e as janelas iluminadas, com seus moradores e convidados assistindo a festa.


 

Deixe seu comentário, ele é muito importante para nós

* Seus dados não serão exibidos a terceiros.

Publicidade

Veja também