Rede Mídia de Comunicação | Rede Sem Fronteiras

Você está em: Início > Notícias > Cultura > Literatura e inclusão em Escola de Educação Infantil

Literatura e inclusão em Escola de Educação Infantil

Cultura por Dinorá Couto Cançado em 2018-11-10 20:47:29


Autora brasiliense participa  diálogo literário e inclusivo com alunos de 5  anos em Escola de Educação Infantil Alziro Zarur...

Escola infantil convida a autora Dinorá Couto Cançado para visita e bate-papo com uma turma de 24 crianças. Encantada com as dependências e com uma organização exemplar dessa escola inaugurada pela Legião da Boa Vontade, Dinorá conheceu todos os recursos utilizados para uma educação lúdica que, realmente, é capaz de transformar vidas.  Guiada pela Diretora Célia Mendes e por Lina Silva, responsável pelo convite e pelo Relacionamento Institucional da LBV,  toda a dinâmica no dia a dia que acontece na escola, foi explanada, ao vivo, com alunos, em atividades diferenciadas e cronogramas à porta de cada sala comprovando  uma educação integral que deveria ser modelo em todas as escolas de nosso país. Antes dessa  visita, Dinorá atendeu os alunos na Biblioteca da Escola, um espaço amplo e bem rico em livros. Os alunos tiveram momentos de contação de histórias dos livros da autora, caracterizaram-se com os personagens de um dos livros, tiveram acesso a um dos livros em Braille e materiais concretos que são usados pelos deficientes visuais na Biblioteca Braille Dorina Nowill tão mencionada pela autora. Coordenadora e professoras presentes participaram, ativamente, com as crianças, finalizando esse momento com entrevista, tudo devidamente registrado.

SOBRE A ESCOLA

Para contribuir para a melhoria da qualidade de vida do povo da capital federal e região, a Legião Boa Vontade (LBV) inaugurou em 4 de fevereiro de 1979 a Escola de Educação Infantil Alziro Zarur. Atualmente, a unidade atende mais de 150 crianças entre 3 e 5 anos e, consequentemente, suas famílias, promovendo, com qualidade e efetividade, o desenvolvimento harmônico da inteligência — do corpo e do espírito —, para a construção da cidadania ecumênica planetária, firmada no exercício pleno da ética e da solidariedade, contemplando todos os segmentos educacionais.

Durante o período em que estão na escola, os alunos recebem 4 refeições diárias. O cardápio é balanceado de acordo com a faixa etária de cada criança e acompanhado por uma nutricionista. Os atendidos também recebem material didático e uniformes, além de atenção e carinho de uma equipe multidisciplinar, formada por psicólogo, nutricionista, assistencial social, pedagogos, além de uma enfermeira voluntária, que mede e pesa os educandos periodicamente, dando todo a apoio ao seu desenvolvimento.

A Escola de Educação Infantil Alziro Zarur está localizada na Colônia Agrícola Samambaia. Chácara 40 Lote 1 e 2. Telefone: 55-61- 3410-6025.

EDUCAÇÃO INFANTIL

A LBV propicia às crianças, em seu primeiro contato com a escola, a aquisição de habilidades específicas de autonomia, expressão e linguagem, visando o completo desenvolvimento físico, cognitivo, afetivo e social, cumprindo a legislação educacional e as melhores práticas de ensino para essa etapa da vida. Já nesta fase, elas têm uma grade curricular diferenciada, que contribui para o seu desenvolvimento ético, artístico e cultural. Além disso, participam, desde pequenas, de atividades físicas e esportivas desenvolvendo suas habilidades, a disciplina e convívio com os colegas.


REVISTA DA LBV ENCANTA LEITORES DA BIBLIOBRAILLE

O leitor, professor e poeta Ivan Braga foi o primeiro a interessar em conhecer o conteúdo de revista que a escola ofereceu à autora Dinorá e mais um exemplar para o acervo da Biblioteca Braille Dorina Nowill. Ivan faz uma leitura atenta para, depois em rodas de leituras, ler para os deficientes visuais. E, empolgado com tudo que leu, veio lembranças de seu tempo de criança, registrando, poeticamente, os comentários:

“O sol ainda nem tinha nascido. Meu pai, soldado Aurelino, já buscava a voz de Alziro Zarur, na Rádio.  O Hotel Brasil, minha casa de Dona Rita, mãinha, era aquela Paz de Nosso Senhor Jesus Cristo. Nosso povo católico, os hóspedes, as empregadas, todo o mundo se ligava em Zarur Santana dos Brejos, mais ou menos, no centro do Universo, era uma cidade iluminada e sossegada.

Hoje, do mesmo modo, na maior alegria de ver um Brasil que trata bem seus filhos, com uma educação  que se constrói com a dignidade humana, uma cidadania e espiritualidade ecumênicas . e, isso aí, LBV, Paiva Neto, grande Nação amorosa. Todo conhecimento orientado pela Suprema Vontade de Deus, só podia resultar numa maravilhosa Obra-de-arte, obra da Pedagogia do Afeto: Legião da Boa Vontade. Pedagogia do Amor. Plenitude do ser feliz. Pura compaixão. Crianças estudando, sorrindo, brincando. Brasil de todas as idades cantando de felicidade. Zarur tá adorando o divino trabalho da turma animada de Paiva Neto. Parabéns!” 


Deixe seu comentário, ele é muito importante para nós

* Seus dados não serão exibidos a terceiros.

Publicidade

Veja também