Rede Mídia de Comunicação | Rede Sem Fronteiras

Você está em: Início > Notícias > Artes Plásticas > 'Imaginária': Vik Muniz exalta arte sacra na galeria Nara Roesler. A exposição está aberta ao público, desde quinta-feira, 29 de novembro de 2018

'Imaginária': Vik Muniz exalta arte sacra na galeria Nara Roesler. A exposição está aberta ao público, desde quinta-feira, 29 de novembro de 2018

Artes Plásticas por Alberto Araújo em 2018-12-04 01:58:49

A mostra está aberta ao público desde quinta-feira, 29 de novembro, na Galeria Nara Roesler, no Rio de Janeiro. Reconhecida por expor trabalhos de arte contemporânea, a Galeria Nara Roesler lançou artistas brasileiros e latino-americanos influentes da década de 1950. Fundado em 1989 por Nara Roesler, o espaço fomenta a inovação curatorial e mantém elevados padrões de qualidade em suas produções artísticas.


Com 14 peças inéditas, a exposição faz parte da série Repro, na qual o paulista recriou imagens de obras sacras históricas. Obras todas produzidas com recortes de catálogos, propagandas, folhetos e outros materiais publicados por museus dão vida às obras da exposição Imaginária do artista plástico Vik Muniz.

Em Imaginária, o artista reproduz representações de santos de autoria dos pintores barrocos Giovanni Battista Tiepolo, Guido Reni e Simon Vouet.


Segundo Muniz, as mentes artísticas sempre foram fascinadas pelo mistério da fé. “A arte mistura elementos fundamentais ambos da crença e da experiência para promover um consenso sobre realidade. Grande parte do que admiramos na história da arte está objetivamente relacionado a arte sacra”, pontua o artista.


Na ocasião, Vik Muniz também apresentará 30 cópias da obra "Saint Agnes", de Simon Vouet, que estarão a venda. A renda será totalmente revertida para a creche Casa Santa Ignez, um casarão centenário no bairro da Gávea, no Rio de Janeiro. O espaço recebe diariamente 250 crianças e oferece apoio educacional, além de suprir as necessidades básicas.


UM POUCO SOBRE VIK MUNIZ


Vicente José de Oliveira Muniz – mais conhecido como Vik Muniz nasceu em São Paulo em 1961, e escolheu Nova York para criar suas obras. Reconhecido internacionalmente, por seu trabalho com fotografia, o artista desafia a percepção do espectador ao elaborar imagens compostas por uma variedade de materiais não convencionais. Além disso, ele se destaca pelos projetos sociais que coordena, tendo a arte como fator de transformação. Em seu currículo há a  participação em várias bienais como a 24ª Bienal Internacional de Arte de São Paulo (1998) e a 70ª Whitney Biennial, Nova York, EUA (2000).


 

Deixe seu comentário, ele é muito importante para nós

* Seus dados não serão exibidos a terceiros.

Publicidade

Veja também