Rede Mídia de Comunicação | Rede Sem Fronteiras

Você está em: Início > Notícias > Geral > A Rede Sem Fronteiras teve a honra de homenagear a atriz Ruth de Souza em vida

A Rede Sem Fronteiras teve a honra de homenagear a atriz Ruth de Souza em vida

Geral por Jose Gonzaga de Souza em 2019-08-08 18:10:58
Fecham-se as cortinas
É com grande pesar que a “Rede Sem Fronteiras” constatou o falecimento da grande Dama Negra do teatro e da televisão, a atriz Ruth de Souza.

Ruth nos deixou no domingo, dia 28 de Julho, aos 98 anos. Estava internada no Centro de Tratamento Intensivo do Hospital Copa D’Or, no Rio.

Antes das cortinas se fecharem para esta grande atriz, a “Rede Sem Fronteiras” teve a oportunidade e a grande honra de homenageá-la com o Troféu "Magnífico Sem Fronteiras" na categoria Arte. A homenagem foi entregue em mãos, em junho, durante a cerimônia de lançamento da Coletânea "A Arte de Ser Mulher - Prosa Feminina", organizada pela “Editora Rede Sem Fronteiras”. Ruth assinou a orelha da obra, destacando a importância do papel da mulher, também na literatura.

A atriz dedicou mais de sete décadas à dramaturgia e é considerada um ícone para várias gerações de atores. No Carnaval deste ano, foi homenageada pela Escola de Samba, carioca, Santa Cruz.

As últimas participações dela na TV foram em “Mister Brau” (2018) e na minissérie “Se Eu Fechar os Olhos” (2019). Há 15 dias gravou uma cena para um filme que ainda vai estrear. Ruth de Souza deixou sua marca na cultura brasileira.

Realmente, não houve racismo nem preconceito capaz minimizar ou ofuscar o brilho dessa grande atriz. Sua obra ficará para sempre.

Ruth de Souza gostava dos projetos da “Rede Sem Fronteiras” e tinha carinho por todos nós. Aqui, nesses flagrantes fotográficos, a vemos ao lado de sua amiga, Oneida Di Domenico, e de outras participantes do evento, durante o lançamento do volume 2 da Coletânea “Sem Fronteiras pelo Mundo...”, no Clube Monte Líbano, em 2017. 

Realmente é muito bom quando temos a oportunidade de homenagear as pessoas em vida. Fico feliz que tivemos essa oportunidade e que vcs puderam se despedir dela e ter uma foto de recordação deste momento. 

Que o Senhor a receba com a festa que ela merece. 
A Dama vai, mas sua obra fica. 

Dyandreia Portugal






Deixe seu comentário, ele é muito importante para nós

* Seus dados não serão exibidos a terceiros.

Publicidade

Veja também