Rede Mídia de Comunicação | Rede Sem Fronteiras

Você está em: Início > Notícias > Geral > Série Música de Câmara na Academia Brasileira de Letras

Série Música de Câmara na Academia Brasileira de Letras

Geral por em 2015-07-30 21:59:38

A série Música de Câmara na ABL, sob coordenação do Acadêmico Marco Lucchesi, apresentará concerto com o Trio Porto Alegre – Ney Fialkow (piano), Cármelo de los Santos (violino) e Hugo Pilger (violoncelo).

O espetáculo está programado para o dia 6 de agosto, quinta-feira, às 12h30min, no Teatro R. Magalhães Jr., na Avenida Presidente Wilson 203, Castelo, Rio de Janeiro. Entrada franca.

Premiado em diversos concursos, destacando-se o título de melhor pianista do VII Prêmio Eldorado de Música, Ney Fialkow tem conciliado a carreira de solista e camerista com a atividade de professor do Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Fialkow obteve o título de Doutor em Música no Peabody Conservatory da Johns Hopkins University, Baltimore, Estados Unidos, onde foi assistente da pianista Ann Schein, discípula de Arthur Rubinstein. Realizou, também com distinção, o Mestrado em Música no New England Conservatory, Boston, com Patrícia Zander.

Em parceria com o aclamado violinista Carmelo de los Santos, Fialkow lançou o CD “Sonatas Brasileiras”, gravado ao vivo e recebido pelo público e pela crítica como “um dos mais destacados registros que o Brasil produziu de sua música de câmera”, segundo informou.

O violinista Cármelo de los Santos possui uma movimentada carreira como solista, camerista e pedagogo. Com 16 anos, ganhou projeção nacional, quando foi o mais jovem vencedor do mais importante concurso musical brasileiro, o “VII Prêmio Eldorado de Música”, em São Paulo.

Desde então, vem-se apresentando como solista convidado de mais de 40 orquestras, incluindo a New World Symphony, a Filarmônica de Montevidéu, a Orquestra Musica d’Oltreoceano (Roma), e as principais sinfônicas brasileiras como a do Estado de São Paulo, a Brasileira e a Orquestra Petrobrás Sinfônica.

Cármelo tem colaborado com renomados regentes e fez sua estreia em Nova York, em 2002, como solista e regente no Weill Recital Hall do Carnegie Hall, junto à Orquestra de Câmara ARCO. Também foi premiado em diversos concursos internacionais. Segundo informou, obteve o diploma de Bacharelado na Universidade Federal do Rio Grande do Sul,  Mestrado na Manhattan School of Music, Nova Iorque, e Doutorado na University of Georgia, Geórgia, EUA.

Mestre em música pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio), Hugo Pilger começou seus estudos de violoncelo na Fundarte (Fundação de Artes de Montenegro-RS) com o professor Milton Bock. No Rio de Janeiro, estudou com Marcio Malard e Alceu Reis, com o qual se formou no curso de Bacharelado em Instrumento Violoncelo da Unirio.

Pilger apresentou-se à frente de várias orquestras, entre elas a Orquestra Sinfônica Brasileira, Orquestra Petrobras Sinfônica, Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas, Orquestra do Teatro da Paz, Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba, Orquestra Sinfônica da Bahia, Orquestra Ouro Preto, Orquestra de Câmara do Theatro São Pedro de Porto Alegre, Orquestra Sinfônica Nacional, Orquestra do Theatro Municipal do Rio de Janeiro e Orquestra Sinfônica de Porto Alegre.

Recentemente, Pilger lançou o CD duplo, o DVD e o BluRay intitulado Presença de Villa-Lobos na Música Brasileira para Violoncelo e Piano, com a pianista Lúcia Barrenechea. A gravação contém o primeiro registro do violoncelo que pertenceu ao compositor Heitor Villa-Lobos, um Martin Diehl de 1779. Também é autor do livro Heitor Villa-Lobos, o violoncelo e seu idiomatismo, resultado de sua pesquisa de Mestrado.


Fonte  -  ABL
Foto    - Divulgação


Deixe seu comentário, ele é muito importante para nós

* Seus dados não serão exibidos a terceiros.

Publicidade

Veja também